Siga!

Novidade

AMANDA MITTZ ENTREVISTA A MEDALHISTA OLÍMPICA TERESINHA GUILHERMINA

Episódio debateu por que ainda vemos nossos atletas paralímpicos como exemplo de superação e não como potências no esporte

Inclusive Você
Foto: Amanda Mittz

Teresinha Guilhermina, velocista vencedora de oito medalhas paralímpicas, é uma das convidadas do podcast “Inclusive Você”, da cantora Amanda Mittz. O episódio debateu por que ainda vemos nossos atletas paralímpicos como exemplo de superação e não como potências no esporte.

Por que ainda vemos nossos atletas paralímpicos como exemplos de superação?

Esse é o tema do episódio desta quinta-feira (02/09), do podcast “Inclusive Você”, que traz convidades com e sem deficiência para falar de arte, música e comportamento de forma simples e informativa. O objetivo é naturalizar a fala de PCD’s (abreviação de pessoa com deficiência) e aproximar o público de suas realidades. Nesta quinta, os convidades são Terezinha Guilhermina, velocista, vencedora de oito medalhas paralímpicas e o empresário de esporte Peu Guimaraes.

O podcast é uma parceria entre a artista e a produtora cultural Carol Pacheco, que, juntas, já entrevistaram Victor Di Marco, Ivan Baron, entre outros. “Estamos na 16a edição das Paralimpíadas e o Brasil ultrapassou a marca de 42 medalhas nesta edição, está em sexto lugar no quadro geral e já bateu a meta de 100 medalhas de ouro em paralimpíadas. Isto é fato, nós somos uma potência na competição”, comenta Amanda Mitz. Entraram na conversa, também, pautas como incentivo, patrocínio e compreensão sobre o que o esporte representa para uma nação.

Amanda Mittz é uma multiartista pop. Cantora e compositora PCD, é precursora em trazer acessibilidade para os palcos e para a cena musical. Amanda chega na cena com uma nova proposta de “empoderamento PCD”, e traz um trabalho consistente, onde a acessibilidade sai do lugar de recurso e é usada como arte junto com a música pop e outras linguagens artísticas. Ocupa um lugar que por tantos anos foi invisibilizado, declara através de Acesso que pessoas com deficiência são potências de realização e que só com equidade teremos um mundo mais igualitário.

Os podcasts são quinzenais e contam com dois tipos de recursos de acessibilidade. Todos os convidados fazem sua auto descrição, isso proporciona que cegos (e, nesse caso, qualquer ouvinte) saibam como é a fisionomia dos participantes e a transcrição, que é disponibilizada no site da cantora, possibilitando que pessoas surdas tenham acesso ao conteúdo. Amanda acredita que qualquer pessoa pode dar um pitaco que se transforme em arte – Inclusive você.

 

Escrito por

4 Comentários

4 Comments

  1. Amanda Mittz

    2 de setembro de 2021 at 16:25

    Incrível! Muito obrigada pela parceria e por dar visibilidade a causa PCD! Go PCD!!! 💜💜💜💜

  2. Nicole

    2 de setembro de 2021 at 16:25

    Eu AMO essa artista! Esse podcast me abriu os olhos muitas vezes pra coisas que nem se passavam pela minha cabeça e são importantíssimas!!!❤️

  3. Yuri Costa

    2 de setembro de 2021 at 17:06

    Tema extremamente relevante e importante! O trabalho da Amanda é maravilhoso, muito foda! 🔥

  4. Aurélio

    3 de setembro de 2021 at 0:43

    Que demais, informações tão importantes!
    Sucesso!!✌️

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

LEIA MAIS

Caetano Veloso estreia podcast entrevistando artistas e pensadores

Novidade

S.O.M. — Sistema Operacional da Música — Desenvolvido por Mídia NINJA, Fora do Eixo e Hacker Space.

Connect