Siga!

Indica

EM DISCO DE ESTREIA MAZULI ABORDA QUESTÕES SOBRE O AMOR

Músico traz o tema de forma simples e cativante

Mazuli
Foto: Luma Torres

Em seu disco de estreia intitulado “Mazuli, o artista aborda questões sobre o amor em diversas perspectivas que nos atravessam diariamente em nossas vidas. O amor romântico, o platônico, o traído, o iludido e desiludido, em relação à sociedade e todas as relações que nos permeiam, essas são as diversas formas que o sentimento é apresentado na obra.

Com apenas dois anos de carreira, Mazuli iniciou sua vida artística de forma inesperada, após um encontro de amigos, onde recebeu incentivo para cantar de forma profissional e em pouco tempo, já estava nos palcos em apresentações solo e abrindo o show de Helton Moura, amigo de profissão, que hoje traz algumas parcerias musicais nesse CD.

“Eu estudava Direito, mas um dia eu tava com Vinicius Melo e ele me ouviu cantar, disse que gostou e me convidou pra montar uma banda de samba, mas não deu muito certo… Até que ele me apresentou a Marcio Torres, baixista, que me ouviu cantar, gostou e pediu pra gravar uma música minha e logo em seguida, me convidou pra fazer um show. Fechamos dois shows, isso tudo no final de 2018. Eu não me arrependo de forma nenhuma de ter desistido da área do Direito para virar cantor.”

Créditos: Luma Torres

O músico além de ter sua carreira solo, participa do coletivo Reverbo, projeto de shows coletivos, que tem como intuito impulsionar a carreira dos músicos da cena independente de Pernambuco, organizada pelo cantor e compositor Juliano Holanda, também parceiro musical de Mazuli

“Quando conheci Helton, ele me convidou pra ir a um show do Reverbo, foi frequentando os shows, que conheci o Juliano e depois houve o convite para participar do Reverbo. Hoje nós temos três parcerias inéditas que estão guardadas e a música que está no CD a “Show de Trumann”.

Antes do lançamento de seu primeiro disco, o artista lançou um EP “Desafogo” (2019) e alguns singles que fazem parte das faixas do seu novo álbum, como a “Raspe a colher” e “Entre eu e você”

A música “Astral” foi a escolhida por ser o single de divulgação e contará com um videoclipe especial, que será lançado dia 03 de setembro.

“Astral é uma música colante, simples. Ela fala sobre aquele tipo de paixão que você não sabe como lidar muito bem com ela. Eu também falo sobre a pandemia nessa música, pois vários flertes ficaram apenas sendo pela internet, acredito que muita gente passou por isso, esses amores que não puderam ser vividos, mas que quando tudo isso passar a gente finalmente vai poder se encontrar.”

Mazuli, nome artístico e inventado pelo próprio artista, significa a representação de um estado de espírito e liberdade, onde afirma ter aberto mão de um estilo de vida, para viver sua vontade repentina de ser cantor. 

O disco contém 11 faixas e todas virão acompanhadas de um videoclipe de forma simplificada contendo a legenda das letras e a interpretação do cantor. Além de contar com parcerias entre Helton Moura, Juliano Holanda, Inês Maia e Mila Nascimento. A produção musical é de Pedro Lião e Carlos Filizola, Daniel Ribeiro no Baixo, Ian Vasconcelos na bateria, mixagem por Guilherme Assis e masterização assinada por Artur Joly. A capa fica por conta de Luma Torres.

Escrito por

24 anos, Pernambucana, Batuqueira, Manguegirl, Estudante de psicologia e Amante da boa Música brasileira.

Comente!

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

LEIA MAIS

Joe Irente Joe Irente

JOE IRENTE LANÇA SEU NOVO EP “ILLICITX”

Lançamento

Okado do Canal Okado do Canal

OKADO DO CANAL: “TÁ NA HORA DA GENTE CONTAR NOSSA HISTÓRIA”

Indica

Nos embalos de terça a noite: Conheça o projeto “Terça do Vinil”

Artigo

S.O.M. — Sistema Operacional da Música — Desenvolvido por Mídia NINJA, Fora do Eixo e Hacker Space.

Connect